Ir para conteúdo
FCC

09h55

Coro de 80 crianças do MusicaR participa do encerramento da Oficina

O público lotou o Teatro Guaíra, na noite deste domingo (27/1), para assistir ao concerto de encerramento da 36ª Oficina de Música de Curitiba. Na abertura, 80 crianças do projeto MusicaR, da Prefeitura de Curitiba, subiram ao palco para cantar Tamba-tajá, Canção Amazônica, de Waldemar Henrique; Ponta de Areia, de Milton Nascimento e Fernando Brandt e, O Trenzinho do Caipira, de Heitor Villa-Lobos com letra de Ferreira Goulart.

“Meu coração se enche de orgulho quando vejo os curitibinhas subirem ao palco, são alunos das nossas escolas de música presentes nas regionais”, disse o prefeito de Curitiba, Rafael Greca, que junto com a primeira-dama, Margarita Sansone, assistiu ao concerto transmitido ao vivo na página da Prefeitura no Facebook.

Logo em seguida ao coral do MusicaR, começou a apresentação da Orquestra e Coro da Oficina de Música formados por alunos do evento e por integrantes do Canto Coral. A regência foi do maestro e professor Abel Rocha, diretor artístico de Música Erudita e da regente Coral da Camerata Antiqua de Curitiba, Mara Campos, professora de Classe de Prática de Coro Adulto.

 O repertório foi de Johannes Brahms (1833-1897) a Francisco Mignone (1897-1986), a apresentação também teve a regência dos alunos do curso de Prática de Conjunto e Regência, com Abel Rocha. Entre técnicos, músicos, integrantes do coral adulto e infantil e professores cerca de 400 pessoas subiram ao palco do Guairão.

“A oficina é para oferecer oportunidade às pessoas que vem para cá para a formação em música erudita e popular, muitos estão pisando pela primeira vez num palco, para uma plateia de 2.100 pessoas, no Teatro Guaíra, tocando com uma orquestra de 100 músicos, no encerramento de um festival internacional. É uma experiência que levaram para o resto da vida”, disse o maestro.

A presidente da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), Ana Cristina de Castro, agradeceu as equipes da FCC e do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac) pela dedicação à Oficina de Música. “Curitiba se transformou, nesses 12 dias, na capital brasileira da música com recorde de público nos mais de 250 eventos, bem como de alunos”, elogiou.

Autor: Assessoria de Imprensa
Fonte: Prefeitura de Curitiba

Fale com a comunicação

Veja Também

Outras Notícias

Oficina de Música chega ao fim com público de 50 mil pessoas em 250 eventos

Continue lendo

Coro de 80 crianças do MusicaR participa do encerramento da Oficina

Continue lendo

Famílias se encantam com ópera ao verem filhos no palco

Continue lendo

Homenagem a Waltel Branco e mais 14 shows em bares da cidade

Continue lendo

Despedida da Oficina de Música tem de rock no parque até ópera em teatro

Continue lendo