Ir para conteúdo
FCC

16h21

Música, mudas frutíferas e consciência ambiental na CIC

Os moradores da Vila Barigui, na CIC, estabeleceram um contato sui generis com seu ambiente, a ecologia e a música. No domingo, dia 18, a Oficina de Música de Curitiba e o Projeto Comunidade Escola plantaram e distribuíram mudas de árvores frutíferas na Escola Municipal Dario Vellozo. A ação foi “sonorizada” em grande estilo pelo Grupo Opinião Primata, que apresentou o Show Paz de Usinas – Império Sem Sentido.

Arnaldo Machado, integrante do grupo, explica que o foco é trazer uma reflexão a partir da poesia. O repertório da banda tem uma abordagem ecológica, bem apropriada para a ação. “A ideia é fazer as crianças pensarem em algumas atitudes”.

Mario Henrique de Souza, 15, participou ativamente do plantio de mudas na escola. Ele achou legal ajudar a plantar – “se cuidarmos agora, sempre teremos árvores”. A assistente social Roberta Guimarães Lourenço aprovou a doação de mudas. “É muito importante porque estimula a sensibilização e o cuidado com a natureza.” Roberta acredita que, ao participar do plantio e acompanhar o crescimento das árvores, as crianças criam conscientização. Mas ela confessa: “vim, mesmo, por causa da música”, ri. Está acompanhando a oficina e já assistiu alguns espetáculos. “A música é essencial. Estimula o conhecimento e vários outros valores”.

Marcia Skiba está à frente do projeto Oficina Verde desenvolvido dentro da Oficina de Música de Curitiba, que foi criado para diminuir o impacto ambiental do evento. “É importante que pessoas se conscientizem”, alerta Márcia. As principais atividades desenvolvidas são oficinas de hortas urbanas e o plantio e doação de árvores frutíferas. “Há vários anos iniciamos o projeto de conscientização ambiental dentro da Oficina e tem dado muito certo. Queremos vida longa para a este projeto", reforça. Se está dando certo? “Com a ação de hoje, a CIC terá mais 100 árvores frutíferas plantadas.”

Alisson Fagundes, 15, e Giovane da Luz, 16, moradores da comunidade, fizeram uma apresentação musical que emocionou os presentes. Apesar de não ser a primeira exibição dos garotos, Alisson confessa que ficou nervoso. “Mas a emoção é muito boa, poder expressar no palco o que estou sentindo não tem preço.”

Luciane Cabreira Marques, dona de casa, veio ouvir a musica e ficou sabendo da doação de mudas. Gostou muito do show e saiu feliz da vida com sua “futura pitangueira”. “É importante. Hoje, a gente vê tanta destruição da natureza. Cada um tem que fazer sua parte, e a gente faz aqui.”

Oficina Verde – No próximo dia 23, quinta-feira, a Oficina de Música promove a Oficina Verde. No curso, que é ministrado pelo pedagogo Eduardo Feniman – agricultor urbano e pesquisador na Associação Casa da Videira -, são trabalhados temas como a construção de minhocários, canteiros de capilaridade (mini-hortas com um sistema integrado de irrigação) e hortas verticais. A primeira edição do curso, realizada no dia 13 de janeiro no Escritório Verde da UTFPR, foi um sucesso de público. A segunda edição, do dia 23, também será realizada lá. As inscrições podem ser feitas pelo site da Oficina de Música, o http://www.oficinademusica.org.br/ – as vagas são limitadas.

Autor: Assessoria de Imprensa da FCC
Fonte: Fundação Cultural de Curitiba

Fale com a comunicação

Veja Também

Outras Notícias

Oficina de Música chega ao fim com público de 50 mil pessoas em 250 eventos

Continue lendo

Coro de 80 crianças do MusicaR participa do encerramento da Oficina

Continue lendo

Famílias se encantam com ópera ao verem filhos no palco

Continue lendo

Homenagem a Waltel Branco e mais 14 shows em bares da cidade

Continue lendo

Despedida da Oficina de Música tem de rock no parque até ópera em teatro

Continue lendo